quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

Paula Oliveira, cheia de marcas e sem dinheiro

Ambição, palavra que reflete o caso da jovem advogada, que reside na Suíça.

Após de ter sido vista como coitadinha aqui no Brasil por conta das “barrigas” cometidas por nossa imprensa nacional, Paula Oliveira agora figura como uma completa mentirosa ambiciosa, primeiro tentou enganar a todos [inclusive seu próprio pai que tanto lhe defendeu] afirmando que estaria grávida de gêmeos ao ser “supostamente” atacada em uma estação de trem, em Dubendorf, na Suíça, mentira que não prevaleceu depois de um laudo da pericia medica feita pela policia Suíça.

Depois de perceber que seu plano [fingir ter sido vitima de um ataque violento] para ganhar 100 mil francos do governo Suíço estava indo por água abaixo, e que a Suíça não é como o Brasil onde a impunidade corre solta, Paula provavelmente deve esta arrependida por ter sido tanta noticia no país.

Se caso o governo não estivesse tão atrelado a mídia tendenciosa que temos, nada disso estaria acontecendo à jovem pernambucana de apenas 26 anos, que provavelmente será indiciada por crime contra a própria vida.

Pobre garota, com seu belo corpo agora cheio de marcas, sem dinheiro no bolso, teve sua dignidade provada e mostrou que o dinheiro fala mais alto e que mentiras [pelo menos na Suíça] têm pernas bastante curtas.

4 opiniões:

Caio Gomes (CCG) disse...

certissimo o q falo
e, na suiça tem perna curta mesmo mas no brasil tem pernas longas, e quando descobertas, as pessoas saem impunes, e, o q o dinheiro não faz com as pessoas neh?
ambição é muito ruim nesses casos


http://rockexpressao.tk/

Liliam Freitas disse...

Creio que até no Brasil a farsa iria ser desmascarada. Ficaria nisso. A diferença é que lá pagará as custas do processo (não é digno que povo suiço banque isso, dinheiro público lá é diferente do tupiniquim)e pode ir pra cadeia.

Uma farsa que tem reverbos em toda a imprensa deve ter uma punição exemplar. Creio que a relação do Brasil com a Suiça não deva ser comprometida, mas tadinhos dos brasileiros em Zurique.

Um repórter da Globo disse que na Suiça se fala que a grande vítima tenha sido o pai que não sabia da mentira (ainda não se mostrou o contrario). Ele saiu do Brasil, atravessou o atlântico, foi a policia e acionou a imprensa.
Eu daria umas palmadinhas nessa piralha
beijos

ricardo santos silva disse...

Boa sacada, alguem tinha que falar alto, sobre essas tramoias e brazucadas. E vc my brother Franak, qd vc aparece?
Tenho novidadessssssssss
flows

Filipe Oliveira disse...

Eu acho que ouvi falar sobre isso mas não me interessei. Agora entendi aqui, creio que aqui no Brasil iriam descobrir também, de primeira poderia ser vítima mas logo desmacarada.

Legal seu blog. Vou ser seguidor e espero que você responda meu comentário, para que eu possa responder e possamos assim manter contato ok?

Um abração!