quinta-feira, 18 de setembro de 2008

A pobre mulher nas propagandas de cerveja

O que diria Simone de Beauvoir (1908-1986) se olhasse o que acontece hoje em dia com a figura das mulheres nas propagandas sexistas de cerveja. Isso é um absurdo, o tema nunca muda, mulheres desnudas desprovidas de inteligência e prontas para serem consumidas por homens morrendo de sede e de fome, este é o retrato demonstrado em todas as propagandas.
.
Temos que nos dar conta que tratar as nossas tão queridas mulheres como produto de consumo, é um ato de extremo machismo, de uma artificial superioridade de gêneros. Às vezes fico me perguntando será que estes publicitários não têm na cabeça que as mulheres também consomem cerveja ou fazem isso de mal? Para demonstrar que bebida é coisa de homem. Vejo isso como uma violência contra o corpo e a moral feminina, que tanto sofreu para se igualar com este universo degradante masculino e que agora em pleno século XXI, veem sua imagem defasada na telinha da TV, jornais, revistas que tanto reforçam a imagem da pobre mulher-objeto.
.
Sou homem, mas antes de tudo, sou sujeito social e me dou conta que tais propagandas servem para demonstrar apenas valores dominantes e tradicionais sobre as mulheres, o que não deixa de ser uma forma de violência simbólica contra o universo feminino nesta hipócrita e machista sociedade contemporânea, que tem a visão da mulher como um ser incapaz. Pobre sociedade, pobre Brasil, pobre mulher Brasileira, tanto tempo se passou e o machismo ainda predomina num cenário que se diz evoluído.

8 opiniões:

Michele disse...

Concordo contigo, é uma publicidade totalmente abusiva esta da cerveja. Sou estudante de publicidade e sou totalmente contra isto, por mais que a campanha de cerveja seja uma das que mais rendem para os publicitarios. Creio que exista outra forma de se expressar. Já viu as propagandas da cerveja Polar? É bacana! E bem diferente destas que somos forçados a ver.
Esse machismo sempre existirá e o pior é que é bem destas propagandas que os brasileiros gostam, tem muito "neguinho" torcendo o pesoço para ver tal comercial :\

Rebeca disse...

é isso aê !
poucos homens pensam que nem vc :*

marceloclash disse...

O marketing das cervejarias não ta nem ai para os valores femininos. Eles querem é vender cerveja, pra mudar esse pensamento de que mulher bonita é que faz boa publicidade o mundo vai ter que começar tudo de novo. Cara ótimo post. parabéns pelo blog.

http://papodomarcelo.blogspot.com/

jaque disse...

tb concordo contigo...mas se tem mulher que se presta a fazer isso e mto marmanjo q ama ver tb, pq eles vao mudar?...o importante pra eles eh dar lucro ñ importa a maneira...


http://s2simpleplanjg.skyrock.com/

Publisher Girl disse...

De fato, a publicidade de cervejas ainda resiste à mudar a linha das propagandas, mas vemos que algumas marcas já não estão mais focadas tanto na questão do erotismo, como é o caso da Sol e da Nova Schin.
Mas, infelizmente, não há como desvincilhar uma imagem da outra. Desde que o mundo é o mundo e que existe publicidade de cerveja, o foco sempre foi e continuará sendo o corpo feminino. Porque é uma bebida ainda que predomina mais no meio masculino.
Mas acho que devem ser achados novos caminhos, embora recorrer às velhas fórmulas sempre seja mais fácil e até eficaz, por assim dizer. Neste ponto, a questão se assemelha a "falta de criatividade" que os próprios publicitários reclamam em relação às propagandas de varejo.

Andre disse...

Publicidade é uma área cheia de potencial criativo. Pena que muitos "profissionais" se rendem ao dinheiro fácil

Flá Romani disse...

Eu sempre disse.... como pode uma mulher com barriga chapada fazer comercial bebendo cerveja.... cerveja engorda e dá barrigaaaaaa

Paulão Fardadão Cheio de Bala disse...

Espera o q de uma sociedade em que ainda existe o cargo de "primeira-dama", presumindo que os eleitos serão sempre homens, que a mulher de uma figura pública ficará sempre à sombra de seu marido, ou mesmo de que todo homem eleito será necessariamente casado? As grandes imbecilidades se revelam nos pequenos detalhes...