sábado, 29 de novembro de 2008

“Neo” terroristas do mundo


O que está acontecendo hoje no mundo é muito estranho, por um lado temos os EUA, grande potência econômia que durante muito tempo figurou como o grande líder mundial, em termos econômicos e ibélico que com todo o seu poderio e individualismo humano, fez com que se concretizasse o ódio do povo Oriental pelo do Ocidente.

Hoje estamos à beira de uma mudança neste cenário, a China cresce a passos de avestruz junto à Índia, que hoje é considerada um dos grandes países emergentes do novo bloco econômico. (composto por: Brasil, China, Russia, e Índia) Ambas desenvolvem-se a um motor de 8% ao ano, o que as tornam grandes influências politicas e econômicas para o fortalecimento de uma nova política mundial.

Estes ataques a Índia são apenas reflexo de um novo mundo, o mundo que está mais descentralizado politicamente, mas que consigo trás grandes riscos e incertezas para a população mundial, pois, com todo este desenvolvimento em zonas consideradas instáveis, avaliando que a China possui um partido Comunista que há muito tempo está no poder e não pretende abrir mão do regime tão cedo, e a Russia onde mesmo com o voto direto criado no ínicio dos anos 90 sabemos quem realmente manda.

Com toda esta problemática sobram ainda dois países, o Brasil e a Índia, os dois com democracias “consolidadas”.

No Brasil, enfrentamos grandes problemas estruturais e morais “corrupção, pobreza, falta de infra-estrutura, criminalidade” na Índia temos agora este terrorismo que parece a cada dia se agravar, aqui vivemos uma guerra particular que também parece não ter fim, olhamos para os lados e percebemos que os governantes não se preocupam muito com o que está acontecendo, preocupam-se apenas em crescer economicamente para que continuem nadando em rios de dinheiro.

Analisando esta conjutura política e econômica, podemos concluir que com esta crise financeira, este terrorismo e toda esta mudança de poder no cenário mundial, e o sofrimento dos Ocidentais por conta dos ataques terroristas de “fundamentalistas” do Oriente, fica a certeza de que os EUA destruiu tudo, afinal de contas a atual crise globalizada é o começo de uma grande mudança na economia global, com transferência de renda do Ocidente para o Oriente e enfraquecimento do dólar, que acarretará numa disputa acirrada para a consolidação de um novo império, o que possivelmente irá transformar os EUA, nos próximos “neo” terroristas do mundo.

12 opiniões:

Victor disse...

Post louco, óh! Segura que a multipolarização do mundo tá voltando, "guerras - frias" virão.

marceloclash disse...

Não é só desse tipo de terror que o mundo sofre. Completando o assunto, temos o terror da fome, o terror do cotidiano onde sofremos com a violência. Tem o terror das chuvas também, a cada dia que passa é uma tragédia diferente no meio ambiente. Infelizmente não é só do terror do homem-bomba que o mundo vive. Abraço, ótimo post!

http://papodomarcelo.blogspot.com/

ninhu_. disse...

Quem é mesmo o terrorita do mundo?
Ja se perguntouu isso?
Foda demais...




http://www.nodoubtss.blogspot.com/

Adriano Ribeiro disse...

Esse terror parte de uma questão muito simples e comun a humanidade que é o fundamentalismo.
texto altamente reflexivo, muito bom!

Fran Klin disse...

Visitandoo

Pow caraa Politica é muito onda hein !!!
mais issu ai é esperar pra v como sera 4 anos de cada candidato ki vence e fika ai nossas esperanças de futuro melhor pra todos né ;)

gostei do blog abração fera



http://franklinpensando.blogspot.com/


Saudações

Ellen Regina - facetasdemim disse...

putz!
isso só mostra q o mundo dá voltas, né?

Juliana Valério disse...

gostei muito do blog..eu costumo dizer que estamos vivendo a grande 3° grande guerra mundial,sera?
gosto de ficar refletindo sobre isso..me faz acompanhar cada dia mais sofre a historia,isso sem esquecer do Japão tbm né?que parece que logo agora que estava prestes a passar os E.U.A acabou que não está conseguindo e está andando pra trás..pq sera isso? pq o Japão está indo com muita sede ao pote.


comenta de volta
http://juliana-valerio.blogspot.com

Pedro Ferreira disse...

A história nos mostra que todo país tem o seu momento de hegemonia e queda. Assim aconteceu com o Egito, Roma, Inglaterra, Portugal,Espanha, Rússia e outros países. Agora é a vez dos Estados Unidos. Que bom que ainda estarei vivo para ver isso!

Andreson Lima disse...

Qual a verdadeira face do terrorismo? Os povos "ocidentais" (Europeus e os Estados Unidos) invadiram e ursuparam o poder dos chamados povos orientais (África e Ásia). O que chamamos de terroristas no nosso ponto de vista ocidental, poderiamos chamar de libertadores,no ponto de vista dos orientais, não esqueça que europeus nos séculos XVI e XVII começaram a invadir terras já habitadas, ainda no século XIX, miraram seus olhos nas riquezas da África e Ásia. Pergunte-se para onde vai as riquezas da Nigéria,Angola, etc. O que aconteceu com os Palestinos?
Talvez as respostas dessas questões ajudem a desvendar a verdadeira face do terrorismo.

Ana Lucia Nicolau disse...

acho que por mais que outros países cresçam e apareçam, os Estados Unidos continuarão sendo sempre os "donos do mundo"

Lica disse...

Nossa!!É tanta coisa q acontece...E a gente se pergunta: "Será q esse mundo tem jeito??"

jonas-16 disse...

Opa. concordo um pouco com o que disse Marcello, mas temos que lembrar que esse terror que ele cita é todo gerado vias de fato pela dominação dos países potencialmente mais ricos: o descontrole que leva o meio ambiente à ruinas...