sexta-feira, 26 de setembro de 2008

Debate com os candidatos à prefeitura de São Luis na UFMA

Debate realizado nesta quinta-feira às 16h no auditório na área de vivência da UFMA mostrou aos presentes o quanto os candidatos estão despreparados para exercerem um cargo de suma importância para o desenvolvimento da capital do Maranhão.
.
Com a falta não justificada de alguns candidatos: Flávio Dino, Raimundo Cutrim e Gastão Vieira, o debate seguiu com os candidatos Pedro Fernandes, Cleber Verde, Paulo Rios e Elbson Madeira.
.
Tendo com de praxe rodadas de 5 minutos para cada candidato expor suas idéias e principais propostas o que foi visto foi um a ataque feroz direto a certos candidatos que não estavam presentes no local e propostas lançadas sem nenhuma estratégia de como fazê-las.
.
O debate teve inicio com a voz de Elbson Madeira ao microfone. Sempre com uma fala atenuada falou sobre o PSTU e sua luta como militante político, sobre o quanto o Maranhão precisa mudar e que isso poderia acontecer com o PSTU já que o partido é feito por trabalhadores e com isso não haveria mais a alternância de oligarquias no poder.
.
Pedro Fernandes sempre com um jeito calmo -parecendo estar com a cabeça em outro lugar- falou sobre sua índole. Fez uma relação: direita e esquerda, consumismo maranhense, juventude pobre, e terminou falando que iria colocar ônibus com ar condicionado na Capital. -como e de que maneira, nada-.
.
Depois foi à vez de Cleber Verde. Com sua barba impecável, começou pela falta de infra-estrutura no nosso trânsito, disse que se for eleito irá colocar 150 novos ônibus na capital, falou sobre a construção de vias expressas para a movimentação rápida dos ônibus, esbravejou sobre um planejamento de metrô de superfície, mas não mostrou -hora alguma- da onde seria este investimento ou até mesmo como iria fazer.
.
Paulo Rios ao microfone. Começando a saudar os presentes, mostrando os militantes do PSOL, seu partido, começou o uso exacerbado da palavra oligarquia, parecia uma aula de ódio, sempre digladiando os outros governos, falando sobre sarneysmo, jackismo. Mostrando todo o seu lado marxista, detonou o governo Lula ao qual chamou de “nova direita”. Com uma fala gritante detonou as elites no Maranhão, e por fim terminou se cuspindo todo dizendo que São Luis teria que mudar. Propostas e idéias, nada.
.
Depois das falas dos candidatos abriu-se uma rodada “nada organizada” de perguntas, que não surtiram efeito, afinal a maioria das perguntas caíram em cima dos candidatos errados, pois na “certa” organização do debate os candidatos seriam escolhidos previamente e depois escolhida a pergunta em uma caixa que mais parecia uma caixa de sapatos.
.
Por fim, falou-se sobre falta de infra-estrutura, saúde, sobre o novo, “transição de oligarquias”, muito blábláblá e nada de planejamentos, organização, nenhum projeto para melhoria na educação, nada mesmo.
.
O que ficou foi uma certeza que a finalidade destes candidatos está apenas em ganhar um bom salário e se per fazer, e continuar deixando nossa capital na merda.
.
Chega de conformismo, chega de ignorância. Temos que dar um basta nesta politicalha toda, afinal somos os únicos afetados diretamente com as más administrações destes que querem enriquecer a nossas custas e acham que podem ficar impunes.

6 opiniões:

Crica Fonseca disse...

Olá,
Tudo bem?
Passei por aqui...
Bom final de semana!
Crica

. Budz . disse...

Cara, só tenho uma coisa a dizer sobre esses nossos candidatos "Tô cansado deles!" Redundantes, vazios, estagnados, parecem soldados prontos para a guerra que nem mesmo eles sabem qual!

E sei lá, sou um centrista assumido mesmo, e na boa, o menos ruim nisso tudo a meu ver é Flávio Dino! Fazer o que.

Mas cara, não sabia que tu tinha blog, passar aqui mais vezes. O meu é bem diferente do teu, tem conteúdo mais intimista e alheio, posto sobre qualquer coisa que penso e sinto! Mas passar aqui mais e vezes e gostei do ritmo que tu segue nos textos, deixa aberto a opniões mas ao mesmo tempo coloca o ponto de vista de maneira suave e inteligente!

Paz e cuide-se meu caro!

. Budz . disse...

E se tu não te importar, linkei teu blog no meu!

Paz.

Carlos disse...

só alguns comentarios.... eu tambem não sei de onde esse bixo vai tirar dinheiro pra colocar ar-condicionado mas...
"pobre tambem merece conforto!"(Pedro Fernandes)
em falando de propostas... que propostas?! ehhehe pod cre mas o mais engraçado é welbson Madeira... "eu não farei nada mas os trabalhadores sim!" é um proposta muito interessante, perfeita por assim dizer, mas no momento não vejo como ele vai conseguir, pois os trabalhadores, não só do maranhão, mas do brasil estão numa desarticulação loca! os sindicatos que eram pra ter algo em comum, só querem se promover e locrar em cima dos trabalhadores...
nós ficamos em uma situação muito ruim... em que a única saida é votar no menos pior! ou coisa parecida.

Hugo Gustavo disse...

ei frank...



vota 14 (voz de menino pidão)

rsrsrssrrsrssrsr

Raiza disse...

Frank, achei teu blog super interessante, textos muito bons, um ponto de vista parecido com o meu.

sobre o debate, não cheguei a ver! Mas gostei das observações que tu fizeste!..
essa do ar condicionado! uahauha
hilária! Creio que, além de ser inviável no momento, tem tanta coisa mais relevante! A educação pública toda fudida, os Campus lotados [que tu detalhou no outro post]..

Só sei que é desestimulante assistir o discurso ou a propaganda desses caras.. compartilho tua conclusão , São Luís é que se foda mesmo, eles querem é ganhar dinheiro!

mas também não adianta a gente SÓ reclamar.. a gente tem que fazer alguma coisa, se organizar! vamos começar isso, Frank!